Apelo à segurança: Presidente da ANPC envia mensagem aos corpos de bombeiros

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
anpc

Na sequência dos trágicos acidentes de viação que afectaram recentemente alguns corpos de bombeiros, o presidente da ANPC decidiu enviar uma mensagem aos soldados da paz num apelo à segurança.

Arnaldo Cruz, presidente da ANPC, decidiu enviar uma mensagem aos corpos de bombeiros num apelo à segurança. A mensagem surge na sequência de acidentes que recentemente envolveram veículos dos bombeiros, com vítimas mortais. 

A mensagem, a que o “Bombeiros de Portugal” teve acesso, começa por lamentar os danos pessoais causados pelos referidos acidentes: «Foi com pesar e consternação que nos últimos dias assistimos a vários acidentes com veículos de socorro e emergência dos Corpos de Bombeiros, dos quais resultaram, infelizmente, danos pessoais».

O presidente da ANPC prossegue: «As situações com as quais fomos surpreendidos levam-nos a reafirmar a necessidade de apelar mais uma vez, e à semelhança do que já tem vindo a ser sublinhado em diversas ocasiões no passado recente, que o maior objectivo da nossa missão é, sem qualquer hesitação, a segurança, pelo que o trabalho diário de todos os Bombeiros, não pode, nem deve, descurar esta prioridade, independentemente das circunstâncias.

Nada justifica a perda de uma vida humana», escreve Arnaldo Cruz que conclui: «Assim, alerta-se, mais uma vez, para a permanente observação das regras de segurança associadas às intervenções de todos os operacionais das várias Forças que concorrem para a Protecção e o Socorro, especialmente no que respeita à condução de veículos operacionais.

A condução dos veículos de socorro deve ser permanentemente adaptada ao veículo, à via que a cada momento utilizamos e também aos outros utentes das estradas. Para socorrer é preciso chegar».

Fonte: Bombeiros.pt e SicOnline

 


Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda mais informações, consulte a nossa Política de Cookies.

  1. Siga-nos no Facebook Siga-nos no Facebook
  2. Siga-nos no Twitter Siga-nos no Twitter
  3. Siga-nos no Google Plus Siga-nos no Google Plus
  4. Siga-nos no Youtube Siga-nos no Youtube
  5. Siga-nos na Wikipedia Siga-nos na Wikipedia
  6. Siga-nos por RSS Feeds Siga-nos por RSS Feeds
  7. Siga-nos no Flickr Siga-nos no Flickr
  8. Siga-nos no Issuu Siga-nos no Issuu
  9. Siga-nos no Instagram Siga-nos no Instagram