Campanha de Recrutamento 2019
Nº Nacional de
Emergência 112
Cultura de
Segurança
Saiba
como Agir
A Prevenção começa
com a Informação
Aprender a Brincar
Para os mais Novos

Plano Familiar de Emergência
Segurança no Local de Trabalho
Segurança em Locais de Lazer

Apresentação

Conhecer e ser agente de dinâmicas novas, para uma posterior participação activa, pressupõe uma dimensão em que a informação, a motivação, as competências e a sensibilidade são desenvolvidas.
Conhecer conteúdos, usar meios afectivos-cognitivos-psicomotores e potenciar a aprendizagens na acção é, pois, exercício decisivo para o cidadão e sua comunidade.

A sensibilização tem como objectivo consciencializar o cidadão da sua importância como actor social e interveniente activo no Sistema de Protecção Civil. Assim, é responsabilidade do Estado a promoção das medidas de autoprotecção, mas é dever do cidadão ter um papel interveniente na sociedade, promovendo uma cultura de segurança, convertendo-se no primeiro agente de protecção civil. A sua actuação pode efectivar-se em vários cenários, como no lar, na escola, no local de trabalho e na comunidade ou no bairro onde vive.

Fonte: Autoridade Nacional de Protecção Civil

Actualizado em ( Quarta, 27 Agosto 2008 08:05 )  


Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda mais informações, consulte a nossa Política de Cookies.

  1. Siga-nos no Facebook Siga-nos no Facebook
  2. Siga-nos no Twitter Siga-nos no Twitter
  3. Siga-nos no Google Plus Siga-nos no Google Plus
  4. Siga-nos no Youtube Siga-nos no Youtube
  5. Siga-nos na Wikipedia Siga-nos na Wikipedia
  6. Siga-nos por RSS Feeds Siga-nos por RSS Feeds
  7. Siga-nos no Flickr Siga-nos no Flickr
  8. Siga-nos no Issuu Siga-nos no Issuu
  9. Siga-nos no Instagram Siga-nos no Instagram