Isaltino recebe crachá de Cidadania e Mérito

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
O presidente da Câmara Municipal de Oeiras recebeu o crachá de cidadania e mérito da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) conforme proposta que foi endereçada à confederação pela Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Paço de Arcos.

A entrega dessa distinção foi feita em 10 de novembro último pelo secretário de Estado da Proteção Civil, Artur Neves, a convite do vice-presidente da mesa dos congressos da LBP, comandante Carlos Jaime Santos, presente na cerimónia.

Foram também distinguidos com o crachá de ouro da LBP os bombeiros, Augusto João Coimbra dos Santos Silva (1.ª) e António Augusto Cabo Cunha (2.ª).

Na oportunidade, o secretário de Estado, que presidiu às cerimónias, impôs a medalha de mérito proteção e socorro, grau ouro e distintivo azul, no estandarte da Associação, que festejou precisamente 125 anos de existência.

Na sequência dessa efeméride todos os estandartes das associações de bombeiros do concelho de Oeiras receberam a medalha alusiva aos 125 anos.

A medalha de serviços distintos da Associação foi entregue, ao bombeiro de 3.ª Telmo Lourenço, elemento com mais horas de piquete ao quartel entre outubro de 2017 e Setembro último (919 horas e 45 minutos), e à bombeiro Catarina Rato, elemento com mais horas de reforço ao quartel no mesmo período (1551 horas e 30 minutos).

Os Bombeiros de Paço de Arcos distinguiram também com a sua medalha de serviços distintos, grau prata, o comando da PSP de Oeiras e a Unidade de Apoio ao Comando da Logística, e com a grau ouro, o adjunto de comando Sérgio Duarte, o oficial bombeiro de 2ª João Pedro Parreira, o presidente da direção, Tiago Fernandes, e a Escola Nacional de Bombeiros.

Na sessão solene procedeu-se também à entrega de medalhas de assiduidade da associação, da Câmara Municipal de Oeiras e da LBP.

No primeiro caso, a instituição atribuiu medalhas, de 30 anos, ao subchefe António Canento, de 20, ao subchefe Nuno Moreira e ao bombeiro de 3.ª SN José Francisco Lobo, de 10 anos, ao bombeiro de 1.ª Nuno Moreira e ao de 3.ª Carlos Fernandes, e de cinco anos, à oficial bombeira de 2.ª Tânia Paiva, ao bombeiro de 1.ª Rui Vicente, aos bombeiros de 2.ª, Marcelo Rodrigues e Pedro Bandeira, aos bombeiros de 3.ª, Jorge Lourenço e Hugo Rato, e ao bombeiro especialista estagiário Tiago Silva.

A Câmara atribuiu medalhas, de grau cobre, aos bombeiros Marcelo Rodrigues (2.ª) e Carlos Fernandes (3.ª), de grau prata, ao chefe João Franco, aos bombeiros de 1.ª Miguel Maia e João Pedro Varela, e ao bombeiro de 3.ª SN José Lobo, e de grau ouro ao subchefe António Canento.

A LBP procedeu à entrega de medalhas de assiduidade e dedicação, por 25 anos, ao chefe João Franco, e aos bombeiros, de 1ª, Rui Vicente e Manuel Santos, e de 3ª, José Carlos Silva, por 20 anos, 2 estrelas, aos bombeiros de 1.ª Miguel Maia e José Pedro Varela, e ao bombeiro de 3.ª SN José Lobo, de 15 anos, 1 estrela, ao ofcial bombeiro de 2.ª Miguel Araújo, de 10 anos, aos bombeiros, Marcelo Rodrigues (2.ª) e Carlos Fernandes (3.ª), e de cinco anos, aos bombeiros de 3.ª, Mário Monteiro, Jorge Lourenço, Luis Filipe Pires, Hugo Rato, e ao bombeiro especialista estagiário Tiago Silva.

Durante a sessão solene decorreram também promoções, a 1ª, de Tiago Santos, Hugo Melo, Marco Alves, Miguel Maia e José Pedro Varela, a 2ª, de Marcelo Rodrigues, Pedro Bandeira, Catarina Rato e Sílvia Ascensão, e a 3ª, Miguel Marques, Joana Fraga, António Vinagre, Leandro Pereira, Diana Felizardo, Carolina Fragoso, João Rodrigues, Steve Prazeres, Liliane Sardinha, Sulivan Vieira e Paula Cristina Albuquerque.

A anteceder a sessão solene procedeu-se à bênção e inauguração de três novas viaturas, uma ambulância de socorro, apadrinhada pela Mascas Transportes, um veículo florestal de combate a incêndios, apadrinhado por Seda Ibérica, e um veículo urbano de combate a incêndios, suportado integralmente pela autarquia oeirense e apadrinhado pelo seu presidente, Isaltino Morais.

As cerimónias, presididas pelo secretário de Estado, contaram também com as presenças, do presidente da Câmara de Oeiras, Isaltino Morais, do vice-presidente da mesa dos congressos da LBP, comandante Carlos Jaime, do diretor nacional de bombeiros da ANPC, Pedro Lopes, do vice-presidente da Federação de Bombeiros de Lisboa, comandante António Gualdino, do comandante distrital da ANPC, André Fernandes, acolhidos, pelo presidente da mesa da assembleia-geral da Associação, Ângelo Pereira, do presidente da direção, Tiago Fernandes, do comandante Ricardo Ribeiro, e pelos restantes órgãos sociais e comando.

Antecedendo as comemorações realizadas em 10 de novembro, dias antes, no dia 4, realizou-se o habitual desfile motorizado e apeado, a homenagem ao Patrão Lopes e a romagem ao talhão da associação no cemitério de Oeiras.

Fonte: Jornal Bombeiros de Portugal, da Liga dos Bombeiros Portugueses, Edição de Novembro de 2018

 

 

 

 

Actualizado em ( Sexta, 26 Abril 2019 22:14 )  


Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda mais informações, consulte a nossa Política de Cookies.

  1. Siga-nos no Facebook Siga-nos no Facebook
  2. Siga-nos no Twitter Siga-nos no Twitter
  3. Siga-nos no Google Plus Siga-nos no Google Plus
  4. Siga-nos no Youtube Siga-nos no Youtube
  5. Siga-nos na Wikipedia Siga-nos na Wikipedia
  6. Siga-nos por RSS Feeds Siga-nos por RSS Feeds
  7. Siga-nos no Flickr Siga-nos no Flickr
  8. Siga-nos no Issuu Siga-nos no Issuu
  9. Siga-nos no Instagram Siga-nos no Instagram